O recomeço em Chokwé

A Irmã de S. Luisa está de volta à escola e aos poucos vai avaliando o que ficou destruído e como se poderá reaproveitar alguma coisa. Na escola de S. Luisa, os livros da biblioteca, espalhados pelo chão já nem dão para ler, os electrodomésticos estão estragados e o chão da escola está ainda com lama. Agora é hora de levantar as mãos e caminhar em frente!

Neste momento, a Irmã Lídia do projecto de S. Luisa, Manjangue encontra-se incontactável por telefone.  A Irmã Neusa, do projecto de S. Vicente de Paulo, regressou ao Chokwé e tem mantido algum contacto com o Delegado escolar, o Sr. Calado, que lhe vai dando algumas informações sobre a escola. A Escola S. Vicente continua com acesso restrito e o 5º bairro é considerado zona interdita. A noite passada choveu torrencialmente em Chokwé e assim continua. A população está avisada para o estado de alerta até ao dia 8 de Fevereiro, onde existe a ameaça que, de novo, irão abrir comportas…

2 comments

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s